Tecnologia a favor da saúde mental

Recentemente houve uma flexibilização por parte do Conselho Federal de Psicologia sobre a forma de atendimento online com o intuito de evitar a descontinuidade da assistência à população. O CFP publicou a Resolução nº 04/2020 que suspende de forma temporária alguns requisitos, como a necessidade do cadastro no Conselho, além de orientar os profissionais de psicologia sobre a atuação on-line diante do cenário de pandemia do novo coronavírus.

O ano é 2020 e ainda quando imaginamos agendar uma consulta psicológica temos em mente aquela clássica cena em que o paciente entra no consultório, deita-se no divã de costas para o terapeuta e começa a desabafar sobre seus problemas. Contudo, com os parâmetros recentes aprovados pelo CFP, hoje já é possível fazer seu tratamento por meio da internet.

A flexibilização das normas, que vem aumentando ao longo dos anos, ampliou as possibilidades de oferta de serviços de Psicologia mediados por tecnologias da informação e comunicação, como o Skype por exemplo, mantendo é claro, as exigências da profissão.

A recomendação para tratamento é clara: Terapia psicológica e em alguns casos a utilização de medicamentos. Porém, com o expressivo aumento dos casos de depressão e ansiedade, é cada vez mais difícil fazer com que todos os pacientes sejam contemplados pelos tratamentos adequados.

Em 2018 a Organização Mundial da Saúde divulgou que mais de 300 milhões de pessoas sofrem de depressão e que menos da metade dessas pessoas, em muitos países menos de 10%, recebem o tratamento recomendado.

Para atender essa demanda, em especial nos tempos atuais em que o contato físico deve ser evitado, essa nova modalidade de consulta psicoterápica surgiu para sanar as barreiras físicas que impossibilitam os tratamentos. Pessoas em viagem ou que foram morar em local distante de seu terapeuta, podem manter seu tratamento a distância.

É uma nova forma de tratamento que veio pra ficar e em tempos de crise global se faz mais do que necessário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.