Facebook é processado também no Canadá

Na última semana, o Comissário de proteção a privacidade do Canadá pediu ao Tribunal Federal uma intervenção judicial no Facebook, uma vez que para aquela autoridade o Facebook estaria violando a privacidade e as leis do país.

O fato é que o Facebook desde o episódio da Cambrige Analyctic vem sendo processado em diversos países pela transferência de dados. Nos Estados Unidos por exemplo, a punição resultou em uma multa de $ 5 bilhões de dólares, porque a plataforma não protegia os dados de seus usuários.

O que os usuários pensam que ocorre com seus dados é uma afinação, um filtro de experiência que deixa as publicações e publicidade mais direcionadas conforme seu perfil. O problema é que o Facebook além de lucrar com a publicidade, lucrou muito mais com a venda de dados dos usuários.

Uma das grandes polêmicas foi a das eleições com a divulgação de que pessoas estariam mais propensas a eleger determinado candidato, influenciando assim a eleição do governantes dos países.

Os algoritmos vem cada vez mais sendo utilizado para modular a opinião social.

As plataformas tem que dizer ao que vem, não basta apenas o interesse corporativo mas que tenha o respeito do usuário desse serviço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.